Oi pra você que caiu nesse blog!

Meu nome é Emilly, ou pode me chamar de Tavares. Sou aspirante a Designer e que tenta levar um estilo de vida mais minimalista e consciente, um belo dia tomei a coragem de mudar o nome desse blog para que refletisse o meu processo de descobrir mais sobre mim e o mundo. Esse é o meu cantinho na internet onde deixo registrado através de textos e fotos, simples e sinceros, minhas experiências e meus aprendizados que tenho por aí.
Tavares

What Read Next

Feirinha de San Telmo, Puerto Madero e restaurante vegano | Buenos Aires, Argentina

Visão de Puerto Madero, bairro de Buenos Aires

Nosso primeiro dia em Buenos Aires foi em um domingo, no dia 6 de janeiro. Reservamos esse dia para visitar a Feirinha de San Telmo, é uma feira de antiguidades e artesanato que tem no bairro de San Telmo. Para quem já visitou a Feira do Largo da Ordem em Curitiba, é bem parecida. E para quem já visitou a Feira Eduardo Ribeiro em Manaus, também é bem parecida só que muito, mas muito maior!

O bairro de San Telmo também é um dos mais antigos de Buenos Aires, muito povoado até 1871. Foi lá também que nasceu a personagem Mafalda. Também é possível encontrar um monumento da personagem em uma das avenidas do bairro. Andamos por lá, porém não conseguimos a foto pois estava uma fila enorme. Mas, se for por lá, vá em dia de semana ou quando o fluxo de turistas no local não seja tão grande.

A Feira reúne artesanato, muitos produtos de antiguidades, vários produtos de couro (para quem tem interesse) e a gastronomia local que é possível encontrar em restaurantes e no Mercado Público de San Telmo onde reúne lojas e quiosques que você encontra lanches, comidas típicas e até cerveja artesanal. 

Chegamos em Buenos Aires com alguns pesos argentinos (moeda argentina) que trocamos ainda no Brasil, dinheiro foi necessário para pagar o transfer. A nossa sorte (que nem sabíamos) era que tinha uma casa de câmbio aberta lá na rua onde acontece a Feirinha.

Uma dica sobre a troca do dinheiro: leve alguns pesos daqui do Brasil apenas para alguma emergência durante a viagem. Mas troque seus reais lá em Buenos Aires que a cotação é bem melhor.
Andamos pela rua inteira e chegamos no final e aproveitamos para comer algo. Como tentamos economizar na comida, almoçamos uma torta com suco de laranja. Não me recordo o valor agora, mas lembro que foi bem barato, apesar do atendimento no local não ter sido um dos melhores.

Até que o nosso passeio pela Feira teve a duração menor do que eu imaginava, então decidimos ir andando até o bairro de Puerto Madero. Nesse dia não levei minha câmera pois achei que só iríamos no bairro San Telmo e já voltaríamos para casa, então as fotos seguintes serão com o celular mesmo.

Nosso trajeto até o bairro foi um pouco longo, mas mesmo assim achei os dois bairros bem próximos. Durante o caminho pudemos observar as enormes construções da cidade. Realmente Buenos Aires é uma cidade linda!

Acho que é Paleta, seu lá!

Chegando em Puerto Madero, compramos um picolé (que não lembro o nome rsrs) e sentamos por lá para curtir o clima e a beleza do porto. Puerto Madero é um dos bairros mais caros de Buenos Aires e passeando pelo bairro é possível ver enormes e lindos prédios, caminhamos tranquilamente e nos sentimos muito seguros no bairro.

Alguns dos enormes prédios do bairro de Puerto Madero

Puente de la Mujer logo atrás do Museu Barco Fragata Sarmiento

Uma foto co caminho de Puerto Madero 


Depois seguimos para o Barco Museu Fragata Sarmiento, que é um museu localizado dentro de um barco, seu nome foi dado em homenagem ao sétimo presidente da Argentina, Presidente Sarmiento. No museu é exposto como os marinheiros viviam as suas rotinas, pode-se encontrar as diversas áreas dos barcos como cozinha, sala de máquinas e outros. O museu custa 20 pesos.

Barco Museu sendo visto.




Seguimos nosso passeio para conhecer a Puente de la Mujer, uma ponte para pedestre que atravessa Rio de La Plata. Esta ponte é obra do arquiteto espanhol Santiago Calatrava.



De lá fomos voltamos para casa. Na volta estávamos sem internet o que me deixou com um pouco de medo na hora de pegar um táxi de volta. Eu ainda não tinha comprado o chip para internet, a minha daqui do Brasil já tinha acabado com os meus créditos.  Porém, foi bem tranquilo a viagem de volta pra nossa hospedagem.

OS TÁXIS EM BUENOS AIRES


Através das nossas pesquisas na pré-viagem, chegamos a conclusão de que não iríamos usar o Uber, porque lá ainda não é legalizado e tem uma briga entre os motoristas de carros particulares e os taxistas. Então o táxi pode sair mais barato. Mas muitas pessoas recomendavam tomar cuidado com taxistas, pois eles tendem a trocar seu dinheiro verdadeiro pelo dinheiro falso, são os famosos golpes recorrentes na capital.

Assim que chegamos na cidade baixei o aplicativo Easy Taxi onde é possível pedir táxi mesmo pelo app e foi bem de boas. Não é igual ao Uber que te dá o valor exato, o Easy Taxi são valores aproximados (valor mínimo ao máximo). Todas as vezes que iríamos pedir, pedíamos pelo aplicativo.

No domingo foi nossa primeira experiência pegando taxi sem o aplicativo, já que minha internet tinha acabado com todos os meus créditos. Também foi bem tranquilo, eu particularmente estava com medo de eles fazerem outro caminho que cobrasse um valor mais alto, mas foi de boas. E, em nenhum momento tivemos algum golpe parecido, mas é sempre bom tomar cuidado!

ESTILO VEGGIE


Retornamos para o apartamento ainda pela tarde para descansar. De noite andamos pelo bairro de Palermo para conhecer o que acontece na vida noturna de Buenos Aires, pelo menos nos arredores de onde nos hospedamos. Andamos, passamos em frente à vários Pubs, restaurantes, cafeterias, pizzarias... até encontrarmos um restaurante vegano, o Estilo Veggie.


É um restaurante que vende comidas veganas e tem uma pegada mais sustentável. Bebidas e comidas são servidos em pratos de vidro, os guardanapos descartáveis são feitos de materiais reciclados e toda a decoração e móveis do local são feitos de materiais reaproveitados, tem uma decoração bem verde.


Só eu quem jantou, as tias e minha mãe pediram apenas um suco para tomar. Eu pedi um sanduíche com batata frita e um suco. Eu ia colocar os nomes dos itens que pedi, porém não encontrei mais. 😒 As minhas experiências com sanduíches veganos não são muito boas, mas dessa vez eu comi um sanduíche que gostei, e muito! Acredito que mais seja pelo paladar que não é acostumado com as comidas veganas, mas esse foi o meu sanduíche favorito que comi até agora. Vem uma grande porção e com batatas fritas.


Em quase toda Buenos Aires é muito fácil encontrar comidas veganas no cardápio e também é fácil encontrar restaurantes veganos e até restaurantes que possuem opções especiais veganas. Ou seja, Buenos Aires é uma cidade muito boa para alimentação sem crueldade animal. =)

SOBRE INTERNET E LIGAÇÕES


Lá em Buenos Aires a operadora vivo funcionava muito bem para internet, mas é cobrado um valor muito alto por poucos MBs de internet. Antes achávamos que não iríamos precisar pois já tinha internet no apartamento, mas como andávamos de táxi para alguns locais havia a necessidade da internet para pedir pelo aplicativo.

Na noite de domingo fomos andando pelo bairro de Palermo e paramos em um quiosque pra saber o preço de um chip. Compramos um chip da Claro, custou 70 pesos e ativamos o plano de 2GB de internet por 7 dias por apenas 100 pesos. Achei um preço bom. Tem outras operadoras próprias da Argentina, mas como já conhecíamos a Claro, foi ela mesmo.

E esse quiosque a qual comprei o chip são quiosques que ficam abertos 24h, é bem comum de encontrar pelo bairro de Palermo (não sei em outros bairros). São como lojas de conveniência.

Um amigo que viajou na mesma época para Buenos Aires, utilizou um plano da Claro chamado Passaporte Américas. É pago uma taxa por mês de R$ 9,90 para utilizar o seu plano em alguns país da América Latina como se estivesse no Brasil. É um plano interessante para quem viaja bastante pela América do Sul.

E esse foi o primeiro dia de passeio em Buenos Aires. O que achou? Já viajou para Buenos Aires? Como foi a viagem por lá?

Comments

  1. Amei esse seu texto, realmente é um dos melhores blog que estou acompanhando. Suas postagens são excelente! Parabéns!

    Já até salvei em meus blogs favoritos ❤️..

    Meu Blog: Paraíba de Prêmios

    ReplyDelete

Post a Comment

Contact Form

Name

Email *

Message *