Um fim de semana de barco por Anavilhanas

Uma palavra que eu posso descrever essa visita foi: MARAVILHOSA! E já adianto que terá lindas fotos com autoria de pessoas incríveis da faculdade!

Uma das coisas mais legais que o curso de Turismo me proporcionou foram as visitas técnicas, eu aprendi muito sobre a minha cidade. Aliás, o curso inteiro me fez valorizar o local em que eu nasci e moro hoje. E ter ido nessa visita técnica foi muito bom, pois consegui ver o quão incrível é a nossa Amazônia. Acredito que no ano que vem eu faça um post sobre a experiência da faculdade, tenho muita história para contar.

Essa é a Ponte do Rio Negro, um atrativo turístico de Manaus. Ponte construída para ligar as cidades de Manaus e Iranduba (e outras cidades também). À noite ela fica toda iluminada, muito linda!
Fotografia feita por: Monaliza (@mazonaus)

A nossa saída foi no dia 16 de novembro, às 19 horas. Fomos em um barco alugado pela gente, afinal a nossa hospedagem foi no barco mesmo e como éramos duas turmas era melhor alugar um barco. Seguimos então para Novo Airão. Essa primeira noite foi bem divertida, o barco deu um problema, ficamos encalhados numa praia deserta, no meio do nada e longe de Manaus inventando altas histórias sobre Piratas indo atacar o barco. Conseguimos sair um tempo depois, um outro barco levou a gente até o Porto do nosso destino que era Novo Airão. Jogamos Banco imobiliário boa parte da noite o que me fez passar o dia seguinte inteiro caindo de sono. Fui dormir lá pelas 3 horas da madrugada. Mas foi ótimo!

Esse é o barco que viajamos.
Fotografia: Adriel Marcos

Como passamos vários dias no barco, a gente dorme nas redes, todo mundo junto exatamente assim.
Fotografia feita por: @mazonaus

No sábado, acordamos já no Arquipélago de Anavilhanas. Caminhamos por uma trilha até a base 2 do ICMBIO, onde tivemos a oportunidade de assistir uma palestra sobre o Arquipélago voltado para o Turismo. Conhecemos Romeu e Julieta, duas antas que foram resgatadas e agora estão cuidando delas para que elas se adaptem e voltem para natureza. De lá fomos almoçar no barco.

Trilha que fizemos logo cedo pela manhã.
Fotografia: Adriel Marcos

Essa é a visão debaixo que dá acesso à base 2 do ICMBIO.
Fotografia: Adriel Marcos

Essa é a visão do barco. Foto do rio, ao lado direito é a trilha que dá acesso à base 2 do ICMBIO.
Fotografia: Marcos Filipe
Esse é o fofo do Romeu!
Fotografia: Monalisa (@mazonaus)


Pela parte da tarde fomos andar pela cidade de Novo Airão, praticamente andamos a cidade inteira a pé. Foi cansativo pois estava um sol quente, mas pudemos conhecer a cidade. Primeiro fomos assistir uma palestra dos projetos que são feitos pela Fundação Vitória Amazônica - FVA. Um dos projetos deles é oferecer cursos online para a comunidade, achei super legal e tem diversos cursos. Se não me engano, cerca de 40. Nossa segunda parada foi na Fundação Almerinda Malaquias, lá os moradores da cidade trabalham com artesanato feito de madeira. A madeira que eles utilizam são 70% reaproveitada e 30% que eles de fato desmatam para construir os artesanatos. Haviam produtos muito lindos! É uma Fundação conhecida internacionalmente. Por último, fomos conhecer a Pousada Bela Vista. Uma pousada muito fofa e com uma bela vista, haha. A estrutura me pareceu ótima, quando puder retornar para Novo Airão, espero me hospedar por lá.


Entrada da Fundação Almerinda Malaquias.
Foto feira por: Adriel Marcos
Finalizamos nossa noite de sábado com peixe assado, em uma praia, no Arquipélago de Anavilhanas, do outro lado da cidade de Novo Airão. Nessa noite fui dormir cedo, afinal eu estava muito cansada. Mas boa parte da turma ficou reunida lá na praia contando histórias de terror.

Vista de um pôr-do-sol na Amazônia.
Fotografia: Desconhecido*
Como o barco ficou lá na praia, passamos a noite lá. Acordamos lá também! Nessa manhã foi dia de tomar banho de rio e aproveitar! Retornamos para Manaus cerca de 9h30 e chegamos na cidade umas 19h.

Uma foto de uma parte da praia que ficamos.
Fotografia: Adriel Marcos 

Visão do outro lado da praia.
Fotografia: Desconhecido*

Fazia muitos meses (ou mais de ano) que eu não andava de barco, foi maravilhoso! A gente sempre vê aquelas fotos do Arquipélago só vista de cima, e pudemos estar lá dentro, naquela imensidão que nos faz lembrar que somos seres tão pequenos que necessitamos dela. Estar no meio da natureza nos reconecta com o mundo, recarregar as energias. Foi um fim de semana sem conexão com o celular que nos forçou a conversar com outras pessoas e partilhar esses momentos com elas foi gratificante.

O que sinto agora é só a saudade e o desejo de um dia poder voltar lá. O mais estranho é que nem é tão longe de mim.

Este é um post apenas para deixar registrado sobre esses três dias que aconteceram. Sabe, houveram muitas outras visitas técnicas que, de alguma forma, não lembro de todos os detalhes e quis fazer algo diferente dessa vez. E acho que vou passar a deixar mais coisas registradas aqui no blog porque é tão legal relembrar depois. Aliás, também pretendo registrar mais em fotos e vídeos, tenho uns vídeos guardados de outros momentos que tive com amigos e famílias, nossa... Que saudade! De uns anos pra cá eu passei a fazer menos esses registros. Dia desses eu estava lendo o meu blog antigo e tinha registrado muita coisa que hoje já não lembrava mais e pude relembrar lendo o que escrevi.

As fotos acima estão todas (quase) com os créditos na legenda. Duas fotos eu não sei quem foi o autor (a), mandaram no nosso grupo do whatsapp mas não sei de quem é.

As pessoas que foram citadas acima (das fotos): Adriel Marcos (@adrielmarcosfotografias) / Monalisa Horácio (@mazonaus) / Marcos Filipe (@ohxite)

E você já conhece o Arquipélago de Anavilhanas? Já viajou de barco? Como foi a experiência?

p.s.: Este post é a prova de que preciso fotografar momentos pra relembrar depois. Nenhuma foto minha. Mas, próxima viagem que me aguarde!!!

Comments

  1. UAU, que passeio mais maravilhoso. ADORARIA ter essa experiência de um final de semana num barco, conhecendo essa região linda... Um dia eu ainda faço, viu? Acho que só teria dificuldade em dormir na rede, tenho que treinar por aqui antes. :)

    ReplyDelete
    Replies
    1. É incrível e recomendo muito! Acho que é uma das melhores experiências pra quem visita aqui Manaus.
      Ah siim, tem pessoas que ficam enjoadas, ainda mais que o barco balança muito.

      Delete
  2. Eu andei pouquinho de barco na vida, nunca dormi em um, mas meu sonho é fazer isso no estado maravilhosos do Amazonas, gente que vista e que viagem maravilhosa ♥

    Beijos e Feliz 2019!
    Blog da Kitbox

    ReplyDelete
    Replies
    1. Uma experiência para ter na lista esse ano haha, outra sugestão é assistir o pôr do sol, é muito lindo!

      Feliz 2019!

      Delete
  3. Oi Emilly, que passeio incrível. Eu nunca andei de barco, também nunca fui para a Amazônia. Conheci o blog agora e achei muito linda a idéia de compartilhar esses passeios aqui. As fotos ficaram lindas, passe o elogio para seus colegas :)

    Você falou sobre o contato com a natureza, acho que é uma das coisas que me faz gostar tanto de praia, uma vez que ainda tenho medo de fazer trilhas rs. Eu gosto do contato com a natureza, meio me ajuda a lembrar do meu lugar no mundo sabe? Porque olha quanta coisa linda a natureza deixa a gente conhecer, só que nada disso é nosso, precisamos cuidar.

    Gostei bastante daqui!

    Beijo,
    Aline

    ReplyDelete

Post a Comment

back to top